O que parecia uma realidade distante, e até impossível para alguns, está se tornando fato. Seis estudantes da rede municipal de ensino estão se preparando para representar o Brasil em um intercâmbio educacional e cultural em Fort Lauderdale, na Flórida, Estados Unidos (EUA), cidade irmã de São Sebastião. Para isso foram até São Paulo nesta quarta-feira (09/01) para tirarem o visto.

Acompanhados do secretário de Educação, Fábio Aranha, da professora da rede Mariana Burali Meissner, e dos pais, os estudantes estiveram no Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto (CASV) e, nesta quinta-feira (10/01), passarão por entrevista para liberação. Os alunos embarcam no dia 24 de janeiro para os EUA, onde ficarão hospedados em casa de famílias americanas até 02 de fevereiro.

A estudante Amanda Santos de Queiroz, 14 anos, da Escola Maria Francisca, do Pontal da Cruz, está ansiosa pelo visto e pela nova experiência. “A ansiedade já virou minha companheira, mas tenho certeza que vou aprender muita coisa nova, lá é tudo diferente. Quero aprender algumas gírias em inglês, já que vou conviver com adolescentes da minha idade. No começo eu fiquei um pouco preocupada com a questão da comunicação com as pessoas de lá, mas o professor Rafael Romero me deixou bem tranquila, disse que as famílias já são preparadas para receber estrangeiros”, contou.

Durante o intercâmbio os alunos terão aulas de disciplinas diferenciadas e Amanda optou por psicologia. “Demorei bastante para decidir qual disciplina eu queria, e no fim escolhi psicologia porque me identifico com a profissão, gosto de ajudar as pessoas a entenderem os pensamentos”, explicou.

Além de Amanda também farão a viagem os alunos Felipe Gabriel Vieira Santos, da Escola Edileusa Brasil Soares de Souza (Maresias); Kenned Rafael G. Santos da Escola Topolândia; Lívia da Silva Vieira da Escola Prof.ª Sebastiana Costa Bittencourt (Barra do Una); Raissa Maria Ferreira Aleixo da Escola Walfrido Maciel Monteiro (Morro do Abrigo); e Rebeca Paulino dos Santos da Escola Prof.ª Cynthia Cliquet Luciano (Enseada).

A Prefeitura de São Sebastião foi convidada pelo The School Board of Broward County, por meio da escola secundária Pompano Beach High School, a enviar alunos e educadores sebastianenses para participar do intercâmbio educacional cultural, no qual desenvolverão atividades junto com outros 170 jovens de 12 países.

O critério para seleção dos participantes foi ser estudante do 8º ano da rede municipal, ter acima de 13 anos e fazer parte do projeto “Jovens em Ação”. A partir disso os alunos elaboraram redações com o tema “protagonismo juvenil”, sendo os autores dos seis melhores textos contemplados com a viagem.